A MORTE DO CORPO



Compartilhar no Facebook

Pelo Espírito: ANTÔNIO CARLOS / Psicografia: VERA LÚCIA MARINZECK DE CARVALHO /livro: SEJAMOS FELIZES

A morte do corpo físico apavora muitas pessoas. Deixa sem consolo e desesperados os seguidores das muitas religiões que não dão uma idéia raciocinada sobre ela. É comum vermos pessoas chorarem e sofrerem com a morte de parentes e amigos. É freqüente escutarmos que aquele que se foi era necessário ao mundo e que lhes fará falta.

O Espiritismo, com discernimento, ensina-nos que a vida continua; que estamos encarnados temporariamente e que quem é amado é útil em qualquer lugar.

Nota-se muita diferença num enterro entre aqueles que têm essa crença e a entendem e os que não a têm. Os que não entendem exprimem medo e depressão; aqueles que crêem demonstram compreensão. Nós, espíritas, desejamos aos desencarnados paz e que se acostumem logo ao novo plano onde estão.

O entendimento que a Doutrina Espírita nos dá muda nossa atitude perante a morte do corpo. Ela não é o fim; é somente uma passagem desta vida à outra, mostrando como é enganoso o modo de pensar de muitos: que os desencarnados estão separados para sempre dos que ficam. Não há separação com a desencarnação, apenas há uma ausência física.

O Espiritismo ensina que não devemos de modo algum esquecer os desencarnados que amamos, mas que devemos ser cuidadosos no pensar neles, porque as vibrações de desespero e sofrimento dos encarnados chegam àqueles que mudaram do plano físico para o espiritual afligindo-os. Devemos tomar uma atitude isenta de egoísmo, esforçando-nos para não deixar a dor da aparente separação nos entristecer ou desesperar. Não devemos nos lembrar deles com tristeza e sofrimento. Oremos desejando-lhes paz, harmonia e felicidade. Assim, estaremos ajudando os que nos são caros, os que deixaram o corpo carnal e continuam vivos!

Este Site é patrocinado por:
 

"E conhecereis a verdade e a verdade vos libertará ." (Jesus) Conheça mais do Espiritismo, Encontre aqui um centro espirita de sua cidade.  
Divulgação (Apoie, ajude e/ou participe com estas Instituições)
Instituições sem fins lucrativos:
        

Casas Espíritas:
 Casas André Luiz                           
O verbo perder e morrer sempre serão colocados entre aspas nas matérias, pois no espiritismo não acreditamos que ninguém perde ninguém nem que a morte exista, acreditamos em uma separação física momentânea.
2012 - www.vencendoasperdas.com.br - Ajudando a divulgar o espiritismo Kardecista. ***
* Allan Kardec, foi o codificador do espiritismo, porem o espiritismo é obra do mestre Jesus, ditado por diversos espiritos de superior hierarquia.
** Offline - Não será publicado no site, a resposta será enviada somente ao seu e-mail

TAGS


A visão espírita Kardecista ajudando os pais a superarem a perda de um filho., morte, perda,reencarnação,além, plano espiritual,desencarne,caridade, fraternidade,Deus,Jesus,Meimei, Emmanuel,Chico Xavier, espiritismo,Allan Kardec, Bezerra de Menezes,como superar a morte,como superar a perda,desencarne,desencarnou,falecida,lidando com a morte,meu avo faleceu,meu avô morreu,meu filho faleceu,meu filho morreu,meu marido faleceu,meu marido morreu,minha avó faleceu,minha avó morreu,minha esposa faleceu,minha esposa morreu,minha filha faleceu,minha filha morreu,morta,morte de ente,perda de ente,perdi meu filho,perdi meu marido,perdi minha esposa,perdi minha filha,superando a morte,superando a perda,vida apos a morte,vida no alem como aceitar a morte,como superar a morte,aceitando a morte,superando a morte,como aceitar a morte de ente querido,como superar a morte de ente querido,aceitando a ,morte de ente querido,superando a morte de ente querido,desencarnação,desencarne,desencarnado,como aceitar a morte de alguém,como superar a morte de alguém,como vencer a morte de alguém,PERDA DE UM ENTE QUERIDO,Lidando com a Morte,Lidando com a perda de um ente querido,COMO LIDAR COM A MORTE DE UM ENTE QUERIDO,ninguem esta preparado para a morte
Versão MySql HotelDaWeb